Publicidade

Posts com a Tag Marilson Gomes dos Santos

quinta-feira, 1 de dezembro de 2011 Listas, Olimpíadas, Seleção brasileira | 22:48

Os brasileiros classificados para Londres 2012

Compartilhe: Twitter

Fabiana Murer já está selecionada pela CBAt para disputar os Jogos Olímpicos de Londres

Atualizado em 1º/12/2011

O atletismo brasileiro aumentou nesta quinta-feira a lista de atletas do país assegurados nos Jogos Olímpicos de Londres, no ano que vem. A CBAt (Confederação Brasileira de Atletismo) anunciou os nomes de sete atletas que estão dentro dos critérios técnicos exigidos pela entidade, entre eles o de terminar a temporada de 2011 entre os dez primeiros do ranking da Iaaf (Associação das Federações Internacionais de Atletismo).

Desta forma, já carimbaram o passaporte para Londresa campeã olímpica do salto em distância, Maurren Maggi; a campeã mundial do salto em distância, Fabiana Murer; Bruno Lins Tenório, nos 200 m rasos; Mauro Vinicius da Silva, do salto em distância;  Fábio Gomes, do salto com vara; Ana Cláudia Lemos, nos 200 m rasos; e Marílson Gomes dos Santos, na maratona.

Total de atletas brasileiros garantidos para Londres 2012: 112

Atletismo

Maurren Maggi – salto em distância
Data e local em que garantiu a vaga: 1º/12/2011, após convocação da CBAt (Confederação Brasileira de Atletismo)

Fabiana Murer – salto com vara
Data e local em que garantiu a vaga: 1º/12/2011, após convocação da CBAt (Confederação Brasileira de Atletismo)

Bruno Lins Tenório – 200 m rasos
Data e local em que garantiu a vaga: 1º/12/2011, após convocação da CBAt (Confederação Brasileira de Atletismo)

Mauro Vinícius da Silva – salto em distância
Data e local em que garantiu a vaga: 1º/12/2011, após convocação da CBAt (Confederação Brasileira de Atletismo)

Fábio Gomes – salto com vara
Data e local em que garantiu a vaga: 1º/12/2011, após convocação da CBAt (Confederação Brasileira de Atletismo)

Ana Cláudia Lemos – 200 m rasos
Data e local em que garantiu a vaga: 1º/12/2011, após convocação da CBAt (Confederação Brasileira de Atletismo)

Marílson Gomes dos Santos – maratona
Data e local em que garantiu a vaga: 1º/12/2011, após convocação da CBAt (Confederação Brasileira de Atletismo)

Basquete

Modalidade masculino (12 atletas)
Data e local em que garantiu a vaga: 10/09/2011, com a vitória da seleção brasileira sobre a República Dominicana, por 83 a 76, nas semifinais do Torneio Pré-Olímpico de Mar del Plata

Modalidade feminino (12 atletas)
Data e local em que garantiu a vaga: 1º/10/2011, com a vitória da seleção brasileira sobre a Argentina por 74 a 33 na decisão do Torneio Pré-Olímpico de Neiva

Boxe

Everton Lopes – categoria até 64 kg (meio médio ligeiro)
Data e local em que garantiu a vaga: 4/10/2011, com a vitória sobre Anthony Yigit (SUE), pelas oitavas de final do Mundial do Azerbaijão

Esquiva Florentino – categoria até 75 kg (médio)
Data e local em que garantiu a vaga: 4/10/2011, com a vitória sobre Anthony Ogog (ING), pelas oitavas de final do Mundial do Azerbaijão

Robson Conceição – categoria até 60 kg (leve)
Data e local em que garantiu a vaga: 7/10/2011, classificado na repescagem com a vitória do ucraniano Vitaly Lomachenko sobre o italiano Domenico Valentino, pelas semifinais do Mundial do Azerbaijão

Canoagem

Erlon Silva e Ronilson Oliveira – C2 1000 m
Data e local em que garantiu a vaga: 28/10/2011, com a medalha de prata obtida nos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara (México)

Ciclismo

Modalidade Estrada (1 atleta)
Data e local em que garantiu a vaga: 8/05/2011, com a vitória de Gregolry Panizo no Campeonato Pan-Americano de ciclismo, em Antioquia (Colômbia)

Modalidade Estrada (2 atletas)
Data e local em que garantiu a vaga: 31/10/2011, com a confirmação da UCI que o Brasil terminou em terceiro lugar no ranking das Américas, classificando mais dois ciclistas

Futebol

Modalidade feminino (18 atletas)
Data e local em que garantiu a vaga: 21/11/2010, ao vencer o Chile na decisão do Campeonato Sul-Americano do Equador

Modalidade masculino (18 atletas)
Data e local em que garantiu a vaga: 13/02/2011, ao vencer o Uruguai na rodada final do Campeonato Sul-Americano do Peru

Ginástica artística

Diego Hypólito – Solo
Data e local em que garantiu a vaga: 15/10/2011, ao conquistar a medalha de bronze no Campeonato Mundial de ginástica artística, em Tóquio (Japão)

Arthur Zanetti – Argola
Data e local em que garantiu a vaga: 15/10/2011, ao conquistar a medalha de prata no Campeonato Mundial de ginástica artística, em Tóquio (Japão)

Handebol

Modalidade feminino (14 atletas)
Data e local em que garantiu a vaga: 24/10/2010, ao ficar com a medalha de ouro nos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara (México)

Hipismo

Modalidade saltos – Equipe (5 atletas)
Data e local em que garantiu a vaga: 6/10/2010, ao ficar em quarto lugar durante o Mundial de Kentucky (EUA)

Modalidade Concurso Completo de Equitação – Equipe (5 atletas)
Data e local em que garantiu a vaga: 23/10/2011, ao ficar com a medalha de bronze da prova dor equipes do CCE nos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara (México)

Maratona aquática

Prova dos 10km feminino (1 atleta)
Data e local em que garantiu a vaga: 19/07/2011, com o sexto lugar de Poliana Okimoto no Mundial de Esportes Aquáticos em Xangai (China)

Natação

Revezamento 4 x100m livre (4 atletas)
Data e local em que garantiu a vaga: 24/07/2011, com o 9º lugar da equipe masculina, formada por Bruno Fratus, Nicolas Oliveira, Marcos Macedo e Marcelo Chierighini, no Mundial de Esportes Aquáticos em Xangai (China)

Pentatlo moderno

Yane Marques – prova feminina
Data e local em que garantiu a vaga: 15/10/2011, com a medalha de prata de Yana Marques nos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara

Taekwondo

Diogo Silva – categoria até 68kg
Data e local em que garantiu a vaga: 1º/07/2011, ao ficar com a medalha de bronze no Pré-Olímpico de Baku, no Azerbaijão

Natália Falavigna – categoria acima de 67kg
Data e local em que garantiu a vaga: 20/11/2011, com a vitória sobre a cubana Glehnis Hernandez, na semifinal do Pré-Olímpico de Queretaro, no México

Tiro esportivo

Modalidade Pistola 25m feminino – Ana Luiza Mello
Data e local em que garantiu a vaga: 20/11/2010, ao conquistar a medalha de ouro no Campeonato das Américas, no Rio de Janeiro

Modalidade Fossa Olímpica Double – Felipe Fuzaro
Data e local em que garantiu a vaga: 24/11/2010, ao conquistar a medalha de ouro no Campeonato das Américas, no Rio de Janeiro

Triatlo

Modalidade masculina – 1 atleta
Data e local em que garantiu a vaga: 23/10/2011, com a medalha de ouro de Reinaldo Colucci nos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara (México)

Autor: Tags: , , , , , , , , ,

segunda-feira, 23 de maio de 2011 Seleção brasileira | 23:56

Atletismo brasileiro define seleção para o Sul-Americano

Compartilhe: Twitter

Ana Claudia Lemos vai ao Sul-Americano da Argentina

A CBAt (Confederação Brasileira de Atletismo) divulgou nesta segunda-feira a relação dos atletas que disputarão o 47º Campeonato Sul-Americano da modalidade, que será realizado na cidade de Buenos Aires, entre 2 e 5 de junho. Os atletas foram convocados com base no ranking da entidade e após reunião do conselho técnico, que reuniu no último domingo, logo depois do encerramento do Grande Prêmio São Paulo, na pista do Ibirapuera.

Ao todo, foram chamados 77 atletas, que além de tentar manter a hegemonia brasileira na América do Sul, tentarão obter índice para o Mundial de Daegu, na Coreia do Sul, em agosto, e também para os Jogos Pan-Americanos de Guadalajara, no México, em outubro. Entre os destaques da equipe que irá à Argentina, estão Fabiana Murer, Maurren Maggi (colunista do iG), Marílson Gomes dos Santos e Hudson de Souza.

Confira abaixo a relação dos convocados pela CBAt:

Masculino

Nilson de Oliveira André (SP) –  100m e 4x100m
Sandro Viana (SP) –  100m, 200m e 4x100m
Ailson da Silva Feitosa (SP) –  200m e 4x100m
Carlos Roberto Pio Junior (PR) –  4x100m
Kleberson Davide (SP) – 400m, 800m e 4x400m
Luis Eduardo Ambrosio (SP) –  400m e 4x400m
Wagner Francisco Cardoso (SP) – 4x400m
Hederson Alves Estefani (PR) – 4x400m
Lutimar Abreu Paes (SP) – 800m
Leandro Prates Oliveira (SP) – 1.500m
Hudson Souza (SP) –  1.500m e 3.000m c/obst.
Marcelo Cabrini (SP) –  5.000m
José Magno dos Santos Mota (SP) –  5.000m
Marilson Gomes dos Santos (SP) – 10.000m
Damião Ancelmo de Souza (RJ) – 10.000m
André Alberi de Santana (SP) – 3.000m c/obst.
Matheus Inocêncio (SP) – 110m c/bar.
Thiago Mendes Castelo Branco (SP) –  110m c/bar.
Mahau Suguimati (SP) – 400m c/bar.
João Eufrásio Neto (DF) – 400m c/bar.
Guilherme Henrique Cobbo (SP) – Salto em altura
Talles Frederico Sousa Silva (SP) – Salto em altura
Fabio Gomes da Silva (SP) – Salto com vara
Augusto Dutra da Silva Oliveira (SP) – Salto com vara
Rogério da Silva Bispo (SP) – Salto em distância
Jefferson Dias Sabino (SP) – Salto triplo
Jonathan Henrique Silva (SP) – Salto triplo
Ronald Odair de Oliveira Julião (SP) – Arremesso de peso e disco
Douglas Pires Ataide (SP) – Arremesso de peso
Carlos Antonino Valle (SP) – Arremesso de disco
Wagner Domingos (SP) – Arremesso de martelo
Allan da Silva Wolski (SP) – Arremesso de martelo
Julio Cesar Miranda de Oliveira (SP) – Lançamento de dardo
Jander Cardoso Nunes (AM) – Lançamento de dardo
Luiz Alberto Cardoso de Araujo (SP) – Decatlo
Anderson Estevão Venâncio (SP) – Decatlo
Caio Oliveira de Sena Bonfim (DF) – 20km Marcha
Moacir Zimmermann (SC) – 20km Marcha

Feminino

Ana Claudia Lemos Silva (SP) – 100m, 200m e 4x100m
Rosemar Maria Coelho Neto (SP) – 100m e 4x100m
Rosangela Cristina Oliveira Santos (RJ) – 4x100m
Franciela das Graças Krasucki (SP) – 4x100m
Geisa Aparecida Muniz Coutinho (SP) – 200m, 400m  e 4x400m
Jailma Sales de Lima (SP) –  400m, 400m c/bar. e 4x400m
Joelma das Neves Souza (SP) – 4x400m
Aline Leone dos Santos (SP) – 4x400m
Cristiane Ritz dos Santos (SP) – 800m
Jéssica Gonzaga dos Santos (SP) – 800m
Sabine Letícia Heitling (RS) – 1.500m e 3.000m c/ob.
Tatiele Roberta de Carvalho (SP) – 1.500m
Simone Alves da Silva (SP) – 10.000m
Cruz Nonata da Silva (SP) – 5.000m  e 10.000m
Fabiana Cristine da Silva (SP) – 5.000m
Eliane Luanda Pereira da Silva (SP) – 3.000m c/ob.
Maila Paula Machado (SP) – 100m c/bar.
Giselle Marculino de Albuquerque (SP) – 100m c/bar.
Elaine Cristina Dias Paixão (SP) – 400m c/bar.
Valdiléia Martins (SP) – Salto em altura
Mônica Araujo de Freitas (SP) – Salto em altura
Fabiana Murer (SP) – Salto com vara
Karla Rosa da Silva (SP) – Salto com vara
Maurren Maggi (SP) – Salto em distância
Keila Costa (SP) – Salto em distância e triplo
Gisele Lima de Oliveira (RS) – Salto triplo
Keelly Christinne Medeiros (RS) – Arremesso de peso
Elisangela Adriano (SP) – Arremesso de peso
Fernanda Raquel Borges (SP) – Arremesso de disco
Andressa Oliveira de Morais (SP) – Arremesso de disco
Anna Paula Magalhães Pereira (SP) – Arremesso de martelo
Josiane Soares (SC) – Arremesso de martelo
Laila Ferrer e Silva (SP) – Lançamento de dardo
Alessandra Nobre Resende (SP) – Lançamento de dardo
Vanessa Scheffer e Silva (SP) – Heptatlo
Melry Neri Caldeira (SP) – Heptatlo
Cisiane Dutra Lopes (SP) – 20km Marcha
Érica Rocha de Sena (SP) – 20km Marcha

Veja também:

Cadê os maratonistas do Brasil?

A mulher mais rápida do mundo

Pista do Ibirapuera reestreia com recorde e índice

Autor: Tags: , , , , , ,

sexta-feira, 20 de maio de 2011 Pan-Americano, Seleção brasileira | 22:22

Pista do Ibirapuera reestreia com recorde e índice

Compartilhe: Twitter

Simone Alves da Silva bateu o recorde de Carmem de Oliveira, que durava desde 93

Mostrou ser bem pé-quente a nova pista do Estádio Ícaro de Castro Melo, no complexo esportivo do Ibirapuera. Nesta sexta-feira, durante a disputa do Desafio Internacional Olímpico, a fundista Simone Alves da Silva, da equipe BM&F Bovespa, venceu a prova dos 5.000m e bateu o recorde sul-americano da prova, que já durava 18 anos e pertencia a Carmem de Oliveira. Além disso, Marílson Gomes dos Santos, também da BM&F Bovespa, faturou a vitória nos 10.000m e cravou o índice para disputar os Jogos Pan-Americanos de Guadalajara.

Simone venceu sem ser ameaçada a prova dos 5.000m e cravou o tempo de 15min18s85, baixando em 3seg14 o recorde sul-americano de Carmem de Oliveira, que era de 15min22s01, obtido na cidade de Hetchel, na Bélgica, em 31/7/1993. “Já vinha tentando os 5 mil em pista, às vezes chegando muito perto da marca. Venci com muita diferença”, disse a atleta baiana, de 27 anos.

Apesar de bater o recorde continental, Simone não conseguiu garantir vaga para o Mundial de Daegu, na Coreia do Sul, cujo o índice é de 15min12s02. “Se entrar numa prova mais competitiva, acho que consigo o índice”, assegurou.

Mas quem deixou o Ibirapuera classificado foi o experiente Marílson Gomes dos Santos, que se classificou para o Pan de Guadalajara nos 10.000m ao vencer a prova desta sexta-feira com 28min09s24. O fundista, que não irá ao Mundial da Coreia do Sul, deverá disputar uma maratona em um percurso considerado rápido no segundo semestre, para obter vaga às Olimpíadas de Londres-12.

Veja também:

Kleberson Davide  faz barba, cabelo e bigode no GP de Belém

A mulher mais rápida do mundo

Guadalajara, lá vamos nós!

Autor: Tags: , , , , , , ,

quinta-feira, 19 de maio de 2011 Pan-Americano, Seleção brasileira | 23:09

Cadê os maratonistas do Brasil?

Compartilhe: Twitter

Solonei Rocha da Silva garantiu índice para disputar a maratona no Pan-11

Nesta última quarta-feira, a CBAt (Confederação Brasileira de Atletismo) divulgou sua primeira lista oficial de convocados para os Jogos Pan-Americanos de Guadalajara e também para o Campeonato Mundial de Daegu, na Coreia do Sul. Foram chamados atletas para maratona e marcha atlética. E é justamente aí que a coisa complica.

Para o Pan-11, na maratona masculina, a CBAt convocou Solonei Rocha da Silva e Jean Carlos da Silva, e na feminina as representantes da equipe brasileira serão Adriana Aparecida da Silva e Michele Cristina das Chagas. Na prova de marcha atlética 50km, os convocados foram Mario José dos Santos Júnior e Jonathan Rieckmann.

Em compensação, no Campeonato Mundial, que ocorrerá antes do Pan (entre 27 de agosto e 4 de setembro) e que teoricamente é um evento mais importante para o atletismo, o Brasil não terá representantes na maratona, uma das provas mais tradicionais da modalidade. Tanto Solonei quanto Jean Carlos desistiram, enquanto Marilson Gomes dos Santos disputará apenas o Pan (10 mil metros). No feminino a coisa foi ainda pior: nenhuma atleta conseguiu o índice exigido pela CBAt para ir à Coreia do Sul.

Trata-se de uma situação preocupante, bem preocupante. O Brasil, nos últimos anos, criou uma boa tradição em provas de fundo, especialmente a maratona. Vanderlei Cordeiro de Lima, Ronaldo da Costa, o próprio Marilson Gomes dos Santos, são alguns dos exemplos de talentos brasileiros na maratona.

Será que não conseguimos encontrar ao menos alguns atletas de nível razoável para representar o país numa competição tão importante como é o Campeonato Mundial? E o que dizer então do feminino, onde nenhuma atleta obteve índice? Ou será que a maioria absoluta prefira tentar a sorte de buscar uma medalha no Pan-Americano, competição de nível técnico inferior ao Mundial? Lamentável, hein?

Cadê os maratonistas do Brasil, minha gente? Cadê a renovação?

Com a palavra, os dirigentes da CBAt.

Leia também:

Atletismo classifica mais um para o Pan-11

A mulher mais rápida do mundo

O que acontece com o tribunal da CBAt?

Autor: Tags: , , , , , , , , ,