Publicidade

Posts com a Tag Jessica Yamada

sexta-feira, 1 de junho de 2012 Isso é Brasil, Olimpíadas, Seleção brasileira | 20:57

E não é que tem #mimimi no esporte olímpico também?

Compartilhe: Twitter

Jéssica Yamada perdeu lugar na seleção de tênis de mesa para Gui Lin e até agora não entendeu o motivo

A semana que se encerra mostrou que no universo do esporte olímpico, as palavras “crise”, “polêmica” e “discussão” são mais comuns do que se imagina. E o tema que mais rendeu discussões em redes sociais voltas às modalidades olímpicas foi a convocação da chinesa naturalizada brasileira Gui Lin para integrar a seleção brasileira de tênis de mesa nas Olimpíadas de Londres 2012. O motivo de tanto #mimimi (expressão criada nas mesmas redes sociais para definir brigas e discussões às vezes sem sentido) foi a CBTM (Confederação Brasileira de Tênis de Mesa) ter deixado de lado Jéssica Yamada na convocação.

Entrevistada pelo repórter Henrique Munhos, do iG Esporte, Jéssica disse que não entendeu até agora o motivo de ter sido preterida por Gui Lin. O pai da mesa-tenista e também treinador, Marcos Yamada, ficou ainda mais indignado, chegando a dizer que a chinesa nada acrescentará à seleção em Londres. Mas os números não mostram exatamente isso, pois o ranking mundial divulgado nesta sexta-feira, Gui Lin aparece em 260º lugar, duas posições à frente de Jéssica. A CBTM não deu muita bola para o chororô de Jéssica Yamada.

Já o outro caso desta semana representa o genuíno #mimimi. Após ter apresentado um fraco desempenho em uma etapa da Copa do Mundo de remo, na Suíça, o remador Anderson Nocetti, único classificado entre os homens para Londres, foi cobrado via Facebook pelo próprio treinador da seleção brasileira, o francês José Oyarzabal, que cornetou alguns aspectos técnicos no desempenho do atleta.

A resposta veio rápida e certeira. “Com certeza posso melhorar, basta eu querer e ter um técnico presente me orientando pra isso, por mais experiência que eu tenha não consigo fazer isso sozinho”, afirmou Nocetti, também pela rede social. O remador, que vive em Florianópolis e já havia manifestado sua irritação por não ter condições de treinar ao lado dos demais integrantes da seleção, no Rio de Janeiro, teve pelo menos o consolo de sua discussão pública com o treinador ter tido um resultado prático: o Botafogo, clube pelo qual compete, irá bancar a estadia de Nocetti no Rio, para treinar com os integrantes da seleção.

Autor: Tags: , , , , ,

terça-feira, 6 de março de 2012 Olimpíadas, Pan-Americano, Pré-Olímpico, Seleção brasileira | 08:31

Hoyama e Caroline, os contrastes do tênis de mesa do Brasil em Londres 2012

Compartilhe: Twitter

Hugo Hoyama e Caroline Kumahara garantiram classificação para Londres

Um desafia os limites do tempo e se torna uma referência de sua modalidade no Brasil, mesmo que graças apenas às glórias efêmeras dos Jogos Pan-Americanos. A outra representa um sopro de renovação no esporte, mas certamente precisará da autorização dos pais para deixar o Brasil rumo a Londres 2012.

Veja quem são os brasileiros já clasificados para as Olimpíadas de 2012

Nesta segunda-feira, durante a Seletiva das Américas, no Rio, o tênis de mesa do Brasil cravou mais dois classificados para as Olimpíadas de Londres. O veteraníssimo Hugo Hoyama, de 42 anos, igualou uma marca do velejador Torben Grael e participará de sua sexta (será que última?) edição dos Jogos. Com 99% de certeza, não voltará para casa com uma medalha, mas é preciso tirar o chapéu para a obstinação e amor ao esporte que Hoyama demonstra.

Leia também: Missão cumprida para Hoyama. Será?

Já a classificação de Caroline Kumahara representa uma aposta para os Jogos Olímpicos de 2016, que serão realizados no Rio de Janeiro. A ainda adolescente Caroline nem sabia que seria selecionada para participar da Seletiva e passou por momentos de tensão nos últimos dias. Precoce, começou a brilhar no tênis de mesa há apenas quatro anos, quando tornou-se líder do ranking infantil e passou a integrar a seleção brasileira.

Nesta terça-feira, encerra-se a Seletiva das Américas no tênis de mesa e mais dois brasileiros brigam por classificação, ao menos para a disputa por equipe: Cazuo Matsumoto e Jessica Yamada. Ambos, porém, não poderão disputar o torneio individual caso conquistem a vaga, pois há a limitação de dois atletas por país, restando somente a eles participar do torneio por equipes.

Autor: Tags: , , , , , , , , ,

domingo, 4 de março de 2012 Olimpíadas, Pré-Olímpico, Seleção brasileira | 21:55

Brasil já tem duas vagas no tênis de mesa em Londres 2012

Compartilhe: Twitter

Gustavo Tsuboi garantiu sua vaga ao derrotar o cubano Jorge Campos na seletiva do Rio

O primeiro dia das Seletivas Latino-Americanas do tênis de mesa para as Olimpíadas de Londres 2012, que estão sendo realizadas no Rio de Janeiro, renderam ao Brasil dois classificados neste domingo. No masculino, Gustavo Tsuboi assegurou sua vaga ao vencer o cubano Jorge Campos, na semifinal. Já no feminino, a experiente Lígia Silva superou a dominicana naturalizada Lian Qian e também carimbou seu passaporte.

Tsuboi – que na decisão da primeira seletiva acabou derrotado pelo dominicano naturalizado Ju Lin – é o número um do ranking brasileiro há alguns anos e terá sua segunda partipação olímpica em Londres 2012, repetindo o feito de quatro anos atrás, quando esteve em Pequim 2008.

Veja quem são os brasileiros classificados para os Jogos Olímpicos de Londres 2012

A classificação de Lígia da Silva foi ainda mais especial. Primeira mulher do país a participar das Olimpíadas, em Sydney 2000, Lígia, de 30 anos, disputará os Jogos pela terceira vez (esteve ainda em Atenas 2004). Natural de Manaus (AM), Lígia costuma brincar que se considera uma “japonesa falsa”, por causa de sua estatura (1,62 m), tática e temperamento. Na decisão da seletiva, Lígia ficou com o título, ao derrotar a colombiana Paula Medina, que também estava classificada.

Mas o tênis de mesa do Brasil ainda tem possibilidade de aumentar a lista de classificados para as Olimpíadas. Nesta segunda e terca-feiras, serão realizados mais dois torneios. Assim, o veteraníssimo Hugo Hoyama, Cazuo Matsumoto, Caroline Kumahara e Jessica Yamada ainda têm chances.

leia também: O “interminável” Hugo Hoyama desafia até robô

Todos os mesatenistas derrotados neste domingo poderão jogar nesta segunda e, se não conseguirem a vaga, terão uma última chance na terça. Na segunda-feira, estarão em jogo duas vagas no masculino e feminino, e na terça-feira, duas no feminino e somente uma no masculino.

Autor: Tags: , , , , , , , , ,