Publicidade

Posts com a Tag Guadalajara 2011

sexta-feira, 10 de junho de 2011 Com a palavra, Isso é Brasil, Pan-Americano | 17:01

Brasil aprova obras do Pan de Guadalajara. Mas e os atrasos?

Compartilhe: Twitter

“Está tudo correndo bem, dentro dos prazos previstos pelo COPAG, o que reforça a nossa confiança de que teremos uma boa edição dos Jogos Pan-Americanos”


Bernard Rajzman, chefe de missão do Brasil para os Jogos Pan-Americanos de Guadalajara, que começam no dia 14 de outubro, após o encerramento da visita de inspeção que o COB (Comitê Olímpico Brasileiro) fez à cidade mexicana, encerrada nesta quinta-feira, ao lado de outras nove delegações.

O engraçado é o Brasil ter referendado as condições em que se encontram as obras do Pan, que tem um atraso inacreditável na construção da Vila Pan-Americana ou então no estádio de atletismo, entre outras obras que também se encontram foram do prazo.

Talvez a avaliação compreensiva de Bernard seja pelo fato de o Brasil ter passado pelo mesmo sufoco, às vésperas do Pan de 2007, no Rio, quando os cofres públicos do governo brasileiro salvaram o país de um belo vexame.

Verdadeiro conhecimento de causa.

Autor: Tags: , , , ,

quarta-feira, 8 de junho de 2011 Olimpíadas, Pan-Americano, Seleção brasileira | 22:49

Contusão de craque ameaça o handebol brasileiro no Pan

Compartilhe: Twitter

Bruno Souza ficará seis meses afastado por lesão e está fora do Pan

Baita infelicidade a contusão sofrida pelo armador Bruno Souza, maior estrela do handebol masculino brasileiro, que no último final de semana, em um jogo pela penúltima rodada da Liga francesa de handebol, teve uma grave lesão no joelho direito. De volta ao Brasil, teve constatada a necessidade de uma cirurgia, sofrida nesta quarta-feira. Resultado: seis meses de recuperação e definitivamente sem condições de disputar os Jogos Pan-Americanos de Guadalajara, no México, em outubro.

O afastamento compulsório de Bruno é um enorme problema para a seleção masculina, que em Guadalajara tentará conquistar o tricampeonato pan-americano, depois de ter faturado o ouro em Santo Domingo, em 2003, e no Rio, em 2007. Nas duas vezes, Bruno Souza teve presença decisiva para a conquista do Brasil.

Afastado da equipe brasileira desde as Olimpíadas de Pequim-08 por opção pessoal, Bruno Souza mostrou o quanto é necessário para a seleção diante dos vexames dados pela equipe nos Mundiais da Croácia (2009) e Suécia (2011), quando o Brasil amargou as últimas posições. Para aumentar ainda mais o drama da ausência do armador – que integrou três vezes a relação dos melhores do mundo da IFH (Federação Internacional de Handebol) -, o Pan de Guadalajara  servirá, para o handebol, como seletiva aos Jogos Olímpicos de Londres, em 2012.

Que roubada, hein?

Veja também:

Bruno Souza volta para evitar vexame do handebol brasileiro

Conheça os ginásio de handebol nos Jogos de Londres-12

Assistir ao Pan 2011 é uma pechincha

Autor: Tags: , , , , ,

segunda-feira, 6 de junho de 2011 Pan-Americano, Seleção brasileira | 17:27

Boxe brasileiro vai bem na primeira parte do "intensivão"

Compartilhe: Twitter

Everton Lopes disputarpa a final da categoria 64kg, diante do cubano Roniel Iglesias

O saldo da participação do boxe brasileiro na primeira parte de sua excursão à Cuba, onde disputa dois torneios internacionais, pode ser considerado extremamente positivo. Nesta segunda-feira, nada menos do que cinco brasileiros estarão nas finais do tradicional Torneio Internacional Giraldo Córdoba Cardin, que está em sua 41ª edição.  E todas as finais serão contra lutadores de Cuba. Depois de encerrada sua participação do Torneio Córdoba Cardin, a equipe brasileira participará da C opa Roberto Balado, a partir da próxima quinta-feira.

Considerada como uma das melhores escolas do boxe olímpico mundial, Cuba praticamente não tem adversários no continente, basta ver os resultados obtidos em Jogos Pan-Americanos. São tão fortes que entraram com três equipes no Córdoba Cardin, sendo que as duas melhores estavam no mesmo lado da chave. Ou seja, os brasileiros terão nesta segunda a oportunidade de encarar o que há de melhor no boxe amador cubano.

Ou seja, independentemente do resultado dos combates, melhor preparação para os brasileiros visando o Campeonato Mundial de boxe, em Baku (Azerbaijão), entre 16/9 e 1º/10, e o Pan-Americano de Guadalajara (México), de 14 a 30/10, impossível.

Confira abaixo o programa das finais do Torneio Córdoba Cardín, e as lutas envolvendo brasileiros nesta segunda:

49kg: Yosvani Veitía(CUB)  vs. Anvar Muzaparov (KAZ)
52kg: Robeisis Ramírez (CUB) vs. Juliao Neto (BRA)
56kg : Lázaro Álvarez (CUB) vs. Robenilson de Jesús (BRA)
60kg : Yasniel Toledo (CUB) vs. Robson Conceicao (BRA)
64kg: Roniel Iglesias (CUB) vs. Everton Lopes (BRA)
69kg: Carlos Banteur (CUB) vs. Ussene Djambo (SUE)
75kg: Emilio Correa (CUB) vs. Junior Castillo (DOM)
81kg: Julio César La Cruz (CUB) vs. Florentino Yamaguchi (BRA)
91kg:
José Larduet (CUB) vs. Manpreet Singh (IND)
+91kg:
Erislandy Savón (CUB) vs. Robert Alfonso (CUB)

Veja também:

Boxe brasileiro faz “intensivão” em Cuba

Brasileiro supera o terceiro do mundo e vai ao Pan

Brasileiros tentam carimbar passaporte no boxe do Pan

Autor: Tags: , ,

sexta-feira, 3 de junho de 2011 Ídolos, Pan-Americano, Seleção brasileira | 21:57

Em "aniversário" de recorde, Fabiana tenta manter a ponta

Compartilhe: Twitter

Fabiana Murer salta para cravar 4,70m, melhor marca do mundo na temporada

Já passou o tempo em que Fabiana Murer poderia ser considerada uma promessa do atletismo. Depois de uma temporada quase perfeita em 2010, quando venceu a Liga de Diamante e foi a campeã mundial indoor (pista coberta) no salto com vara, a atleta da Campinas adquiriu um outro status no cenário internacional. É uma bela realidade, esperança real de grandes resultados.

Hoje, ela não é mais aquela garota brasileira de talento, mas um tanto inexperiente, que viu suas varas desaparecerem como num passe de mágica, as Olimpíadas de Pequim, em 2008. Muita coisa mudou desde então. E neste sábado, quando compete no tradicional Prefontaine Classic, em Eugene (EUA), estreando na Liga de Diamente de 2011, Fabiana já passa a ser encarada como a rival a ser batida.

Não à toa, afinal a brasileira chega ao Grand Prix do Oregon como dona da melhor marca da temporada, com o 4,70m que cravou em Buenos Aires, durante o Campeonato Sul-Americano. Como coincidência, neste sábado faz exatamente um ano que Fabiana Murer obteve a melhor marca de sua carreira, ao vencer o Campeonato Ibero-Americano de atletismo saltando 4,85m, recorde sul-americano na prova.

O início da participação de Fabiana Murer na Liga de Diamante serve como a verdadeira largada da atleta na temporada 2011. Será a partir de agora que ela terá pela frente suas maiores rivais. E olhe que nos EUA ainda não irá encarar a supercampeã russa Elena Isinbayeva. Em compensação, terá como adversárias a polonesa Anna Rogowska, campeã mundial (Berlim/2009), a russa Svetlana Feofanova (prata no Mundial de Doha/2010), e a norte-americana Jennifer Shur, líder do ranking mundial em 2010 (4,92 m).

Neste ano, Fabiana Murer tem como princial objetivo conquistar uma medalha no Campeonato Mundial de Atletismo, em Daegu (Coreia do Sul), no mês de agosto, além de brigar pelo bicampeonato no Pan-Americano de Guadalajara (México), em outubro.

Veja também:

Fabiana começa a temporada em alto estilo

Atletismo brasileiro define seleção para o Sul-Americano

A mulher mais rápida do mundo

Autor: Tags: , , , , , , ,

quinta-feira, 2 de junho de 2011 Pan-Americano, Seleção brasileira | 16:11

Agenda olímpica cheia no eixo Rio-SP neste fim de semana

Compartilhe: Twitter

Lara Teixeira (à esq.) e Nayara Figueira treinam para o Brazil Synchro Open de nada sincronizado

Para quem curte esportes olímpicos, a agenda deste final de semana, tanto no Rio de Janeiro quanto em São Paulo, está pra lá de cheia. Sobram atrações, algumas das quais valendo vaga para os Jogos Pan-Americanos de Guadalajara.

Um dos eventos que vale vaga no México é o Sul-Americano de pentatlo moderno, que começou nesta quinta-feira no Complexo Esportivo de Deodoro, no Rio. O torneio, que terminará no próximo domingo,  servirá para definir os últimos integrantes da seleção brasileira que disputará o Pan. Por enquanto, apenas a pernambucana Yane Marques, campeã pan-americana no Rio-2007, e a única atleta já com vaga assegurada. Yane, melhor atleta classificada no ranking mundial da modalidade, também está classificada para disputar a etapa final da Copa do Mundo, em julho, na cidade de Londres.

Também no Rio, começa nesta sexta-feira o Brazil Synchro Open, no Parque Aquático Júlio Delamare. O torneio internacional servirá como preparação da seleção brasileira para as disputas do Campeonato Mundial de Esportes Aquáticos, que acontecerá em Xangai (China), em julho. Além do Brasil, participarão do evento equipes dos EUA, Canadá, Alemanha, França, Argentina, Colômbia, e Aruba. O torneio termina no domingo.

Por fim, ainda no Rio, a seleção brasileira masculina de vôlei disputa neste fim de semana a segunda rodada da Liga Mundial, enfrentando a Polônia neste sábado e domingo,  no Ginásio do Maracanãzinho, sempre às 10h.

A agenda olímpica Rio-SP tem ainda a disputa da segunda etapa do torneio Oi Serra e Mar de hipismo, na cidade de Indaiatuba, no Helvetia Riding Center. A competição, que começa nesta sexta-feira e vai até o próximo domingo, será a sexta de oito seletivas para a definição da equipe de adestramento que vai ao Pan de Guadalajara. A prova de saltos promete ta,mbém dificuldades extras aos participantes: o percurso será desenhando pelo mexicano Javier Fernandez, que é o responsável por montar os percursos das principais provas de salto do continente e que também desenhará o  do Pan 2011.


O percurso montado no Helvetia Riding Center, para o evento deste final de semana de saltos e adestramento

Veja também:

Pista do Ibirapuera reestreia com recorde e índice

Brasil define equipes de lutas para o Pan

Tem seletiva para todos os gostos…

Autor: Tags: , , , , , , , , ,

quarta-feira, 1 de junho de 2011 Pan-Americano, Seleção brasileira | 23:18

Boxe brasileiro faz "intensivão" em Cuba

Compartilhe: Twitter

Myke Carvalho integra a seleção brasileira que disputará dois torneios em Cuba

Principal escola do boxe amador mundial, Cuba será a próxima parada da seleção brasileira masculina. Começou nesta quarta-feira a participação do Brasil no primeiro de dois torneios internacionais que a equipe fará na ilha caribenha, e que servirão de preparação para os Jogos Pan-Americanos de Guadalajara. Dos 11 integrantes do time brasileiro, seis estão classificados para o evento poliesportivo, marcado para outubro.

Neste verdadeiro “intensivão” de boxe, a primeira competição que contará com a participação da equipe brasileira será o 41º Torneio Internacional Giraldo Córdoba Cardin. A competição vai até o próximo dia 8 e reunirá boxeadores de 12 países. Depois, o Brasil disputará a Copa Roberto Balado, de 9 a 13 de junho.

A equipe que a CBBoxe (Confederação Brasileira de Boxe) enviou a Cuba é a seguinte:

52 kg – Julião Neto
52 kg – Jackson Junior
56 kg – Robenilson de Jesus
60 kg – Robson Conceição
60 kg – Jefferson Silva
64 kg – Everton Lopes
64 kg – Roberto Queiroz
69 kg – Mike Carvalho
75 kg – Esquiva Florentino
75 kg – David da Costa
81 kg – Yamaguchi Florentino

Veja também:

Brasileiro supera o terceiro do mundo e vai ao Pan

Nova chance para brasileiros do boxe irem ao Pan

As pioneiras do Brasil

Autor: Tags: ,

terça-feira, 31 de maio de 2011 Imprensa, Pan-Americano | 23:05

Acompanhe o Pan 2011 no iG Esporte

Compartilhe: Twitter

O negócio é o seguinte: a partir de agora, você encontra no iG Esporte uma página dedicada exclusivamente para encontrar informações sobre os Jogos Pan-Americanos de Guadalajara. A competição começa em 14 de outubro e até lá, você poderá conferir como será a preparação dos atletas brasileiros que disputarão a competição, além de acompanhar todos os detalhes da festa que os mexicanos irão organizar. Tudo com muita informação e opinião.

Passe por lá e saiba mais sobre o Pan de Guadalajara.

Autor: Tags:

segunda-feira, 30 de maio de 2011 Pan-Americano, Seleção brasileira | 23:38

Karatê feminino brilha em teste para o Pan

Compartilhe: Twitter

Lucélia Ribeiro garantiu o ouro na categoria até 60kg

É bom não mexer com estas moças karatecas do Brasil! Digo isso como base no resultado do Campeonato Pan-Americano de karatê, realizado em Guadalajara e encerrado no último domingo. Evento-teste para os Jogos de outubro, o torneio teve a Venezuela como campeã geral, com 11 medalhas, enquanto o Brasil terminou em segundo, com sete. O detalhe é que deste total, nada menos do que cinco foram obtidas pelas garotas brasileiras.

O karatê brasileiro tem boa tradição em Jogos Pan-Americanos. Desde que começou a enviar equipes para o Pan, em Mar del Plata-95, o Brasil já conquistou 26 medalhas, cinco delas de ouro. E destas, três vieram dos golpes de Lucélia Ribeiro, na categoria até 60kg. Em Guadalajara, no mês de outubro, ela brigará pelo tetracampeonato das Américas. No Pan da modalidade, Lucélia não deixou por menos: ouro de novo.

Confira abaixo os demais medalhistas do Brasil no Pan-Americano de karatê:

Valéria Kumizaki – ouro (até 55kg)
Equipe feminina kumite – ouro
Beatriz Janini – bronze (até 61kg)
Jeanis Colzani – bronze (até 68kg)
Douglas Brose – ouro (até 60kg)
Wellington Barbosa – bronze (mais de 84kg)

Autor: Tags: , , ,

domingo, 29 de maio de 2011 Olimpíadas, Pan-Americano, Seleção brasileira | 20:31

Canoagem brasileira mostra evolução na Alemanha

Compartilhe: Twitter

Ronilson Oliveira e Erlon de Souza ficaram em 4º lugar no C2 200m

Mesmo sem ter conquistado medalhas, não se pode dizer que foi ruim a participação do Brasil na terceira etapa da Copa do Mundo de canoagem de velocidade, encerrada neste domingo em Duisburg, na Alemanha. Mas sem nenhuma crise de pachequismo, dá para dizer tranquilamente que a canoagem brasileira mostrou evolução em sua preparação para os Jogos Pan-Americanos de Guadalajara (Mex), no próximo mês de outubro, e para as Olimpíadas de Londres (Ing), no ano que vem.

Ao todo, os brasileiros estiveram presentes em cinco finais “A”, as que efetivamente valem alguma coisa (as finais “B” nada mais são do que torneios para definir as colocações intermediárias de uma prova). E entre estas finais, o melhor desempenho coube à dupla Ronilson Oliveira e Erlon de Souza, que ficou em quarto lugar no C2 200m.

Também garantiram classificação em finais “A” os canoístas Nivalter Santos, 7º colocado no C1 200m; Isaquias Queiroz, 6º colocado no C1 500m; Edson Freitas da Silva, 8º lugar no K1 200m; e Gilvan Bittencourt Ribeiro, 9º colocado no K1 500m.

Resta agora saber como será o desempenho da equipe brasileira no Campeonato Mundial de canoagem, que será realizado entre 18 e 21 de agosto, na cidade de Szeged, na Hungria, primeira competição classificatória para Londres-12. Depois, rumo ao Pan de Guadalajara.

Vamos aguardar.

Veja também:

É olímpica, mas também é do povão!

Sinal vermelho em Guadalajara

Confira os preços dos ingressos para Londres-12

Autor: Tags: , , , , , , , , ,

sábado, 28 de maio de 2011 Pan-Americano, Seleção brasileira | 20:05

Rúgbi brasileiro começa a trabalhar mais cedo para o Pan

Compartilhe: Twitter

A seleção brasileira de rúgbi enfrenta o Uruguai, durante o Sul-Americano, em fevereiro

Diz o ditado que o “Homem” lá de cima costuma dar uma ajudinha extra para quem começa a trabalhar mais cedo do que os demais, né? Bem se isso é verdade ou não, sinceramente não sei. Mas o fato é que a seleção brasileira masculina de rúgbi começou neste sábado sua preparação para os Jogos Pan-Americanos de Guadalajara, marcados para outubro.

Com a supervisão dos treinadores Maurício Coelho e Martin Schusterman, um grupo de 21 jogadores iniciou em Campos do Jordão a primeira de sete sessões de treinamento intensivo que serão realizadas até outubro, mês do Pan. Em Guadalajara, o Brasil brigará pela medalha de ouro na modalidade rúgbi sevens (com sete atletas em campo) ao lado de México, EUA, Argentina, Uruguai, Chile, Canadá e Guiana.

“Acreditamos em um belo desempenho nos Jogos Pan-Americanos. Também desejamos realizar uma temporada na Argentina antes da viagem para o México, treinando com os melhores atletas das Américas. Queremos e estamos fazendo história”, afirmou Sami Arap, presidente da Confederação Brasileira de Rúgbi (CBRu).

Eis os jogadores que estão participando desta primeira sessão de treinamentos da seleção brasileira de rúgbi:

Nome – Clube

André Luís da Silva – SPAC
Daniel Gregg – Niterói
Diego Lopez – Pasteur
Diogo Borges – São José
Eduardo Garcia – Bandeirantes
Eduardo Melotto – Curitiba
Elpidio Sgobbi – São José
Erick Monfrinatti – São José
Felipe Claro – SPAC
Fernando Portugal – Bandeirantes
Henrique Dantas – São José
Jefferson Silva – São José
João Celo – Bahia
João Luiz da Ros – Desterro
Julian Menuti – Bandeirantes
Lucas Duque – São José
Moises Duque – São José
Pedro Rosa – Bandeirantes
Rafael Santos – São José
Thiago Maihara – Pasteur
Tulio Fiore – São José

Veja também:

Assistir ao Pan 2011 é uma pechincha

Brasil conhece seus rivais no rugby do Pan-11

Sinal vermelho em Guadalajara

Autor: Tags: ,

  1. Primeira
  2. 6
  3. 7
  4. 8
  5. 9
  6. 10
  7. Última