Publicidade

quarta-feira, 20 de agosto de 2014 Olimpíadas, Paraolimpíadas | 19:14

Quer ser voluntário para a Rio 2016? Então prepare-se…

Compartilhe: Twitter
Voluntário orienta a chegada de público no Parque Olímpico de Londres, em 2012: função vital para o sucesso dos Jogos

Voluntário orienta a chegada de público no Parque Olímpico de Londres, em 2012: função vital para o sucesso dos Jogos

Na próxima quinta-feira, dia 28, serão abertas as inscrições para quem quiser trabalhar como voluntário nos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos do Rio de Janeiro, em 2016. Pode não parecer muito relevante para quem nunca viu uma edição de Olimpíadas ao vivo, mas trata-se de uma das funções mais importantes para o bom funcionamento do esquema de organização dos Jogos.  Seja para orientar e informar o público que irá às arenas, seja para auxiliar o trabalho da mídia que irá divulgar o mega-evento ou mesmo no apoio aos atletas e dirigentes, nas competições ou na Vila Olímpica. Sem voluntário, não tem Olimpíadas.

(Embora, em uma opinião muito pessoal, um evento que movimenta muitos milhões de dólares como são as Olimpíadas, bem que poderia desembolsar um pouco de seu incrível lucro para auxiliar ao menos a hospedagem desta turma, cá entre nós…)

A meta do comitê organizador da Rio 2016 é contar com 70 mil voluntários, sendo 45 mil para as Olimpíadas e 25 mil nas Paraolimpíadas, entre brasileiros e estrangeiros. Os escolhidos – que precisarão passar por entrevistas seletivas, treinamento presencial, online e participação nos eventos testes – serão divididos em duas categorias: generalista (não necessita de conhecimento técnico ou específico para desempenhar sua função) e especialista (necessita de conhecimento técnico ou específico para desempenhar sua função, como profissionais da saúde, profissionais de TI, esportistas ou pessoas vinculadas ao esporte). A fluência em outro idioma não é obrigatória para que a pessoa seja um voluntário nas Olimpíadas.

As únicas exigências são ter no mínimo 18 anos, ensino fundamental completo e disponibilidade de tempo para atuar ao longo de todo o período dos Jogos (Olímpicos e Paraolímpicos). A organização dos Jogos só oferece alimentação e transporte em dia de trabalho na região metropolitana do Rio de Janeiro. Hospedagem e transporte até a sede das próximas Olimpíadas ficam por conta do voluntário.

Os interessados podem conferir mais informações na página especial do site dos Jogos Olímpicos de 2016.

Autor: Tags: ,

1 comentário | Comentar

  1. 51 Ademilson 21/08/2014 14:30

    Porque ser voluntário se o COI vai faturar milhões! Mesmo questionei em relação a Copa 2014 a Fifa faturou mais de 11 bilhões…

  1. ver todos os comentários

Os comentários do texto estão encerrados.