Publicidade

quarta-feira, 31 de julho de 2013 Isso é Brasil, Olimpíadas, Paraolimpíadas | 18:33

TCU indica irregularidades em obras para os Jogos de 2016

Compartilhe: Twitter

Imagem do projeto final do Ladetec, laboratório no Rio de Janeiro que realizará todos os exames antidoping das Olimpíadas e Paraolimpíadas de 2016

Muito se fala sobre gastos excessivos e problemas para a Copa do Mundo de 2014, mas tem gente de olho aberto na organização dos Jogos Olímpicos de 2016, no Rio de Janeiro. O TCU (Tribunal de Contas da União) publicou em seu site dois comunicados que expressam de forma preocuopante como as coisas estão caminhando na organização das próximas Olimpíadas.

Em uma das notas à imprensa, a fiscalização do TCU identificou encontrou irregularidades no orçamento e contrato das obras na reforma do Ladetec, laboratório oficial que será usado durante o evento e que fará todos os controles antidopagem das Olimpíadas e Paraolimpíadas. Entre os problemas encontrados, a análise do TCU mostrou “quantitativos subestimados na planilha orçamentária em comparação com o projeto executivo, além de execução da obra em dois turnos ao invés de três, como previsto em contrato”. Segundo o TCU, a diferença nestes quantitativos permitiria a solicitação de aditivos no contrato, o que poderia ocasionar sobrepreço (em bom português, superfaturamento).

>>> Veja também: Parque Olímpico 2016, presente e futuro

Para o relator do processo, ministro Raimundo Carneiro, a isso chama-se de “jogo de planilha”, que diminui o desconto global obtido inicialmente na licitação da obra.

A outra reclamação do TCU tem como alvo as obras no Complexo Esportivo de Deodoro, que abrigará as modalidades de hipismo, tiro, esgrima, pentatlo moderno, canoagem, ciclismo e hóquei sobre grama. Para o órgão fiscalizador, os atrasos nas obras são injustificáveis.

>>> Leia também: Rio 2016 já tem prejuízo acumulado de R$ 149 milhões

Se os prazos iniciais forem mantidos, de acordo com a análise do TCU, algumas destas obras terão conclusão posterior a da realização dos eventos-testes previstos pelo COI (Comitê Olímpico Internacional). Para o ministro Raimundo Carneiro, “os riscos potenciais identificados nas atividades de implantação do complexo esportivo são deveras danosos à administração, podendo levar a práticas emergenciais que resultam em majoração dos gastos públicos, a fim de concluir as obras no prazo necessário”.

>>> E mais: A “cidade olímpica” e o choro de Monica

Para quem quiser mais detalhes sobre o processo, basta clicar aqui.

Com a palavra, o Comitê Rio 2016…

Autor: Tags: , , , , , , , , , , ,

8 comentários | Comentar

  1. 58 decio afranio 31/07/2013 21:09

    Só imbecil tapa o sol com peneira e arruma desculpa esfarrapada para encobrir o óbvio.
    Alguém tem dúvida que ” Nunca antes na história do Brasil” houve tanta corrupção? Idiota!!!!

  2. 57 eraldo 31/07/2013 20:50

    esse tal de victor arce é mais um imbecil que deveria morar em favelas,ganhar a vida nos lixões das grandes metrópolis. esse otário deveria ser deportado lá pra siria.

  3. 56 Bruno Teixeira 31/07/2013 20:02

    Já pensaram o TCU sendo manobrado, também, pelo PT-PMDB

  4. 55 Bruno Teixeira 31/07/2013 20:01

    Esse Victor Arce é petista de carteirinha, fácil deduzir. Qeuria que o PT-PMDB mandasse também no TCU. Já pensaram?

  5. 54 Bruno Teixeira 31/07/2013 19:56

    O comentário desse petista Victor Arce nos faz refletir: Já pensou se essa camarilha PT-PMDB mandasse, também, no TCU?
    Meu Deus!!!
    Vamos começar a olhar com lupa popular o orçamento anual. Veremos crimes contra o povo que deveriam, isso sim, ser denunciados junto à OEA e ao Tribunal Penal Internacional.

  6. 53 Marcirio 31/07/2013 19:45

    De acordo com o comentário desse jornalista parece que ele é defensor dos corruptos. Deve ser petista.

  7. 52 Vander Alves 31/07/2013 19:41

    O TCU É ISTO. UM ÓRGÃO (TRIBUNAL?) POLÍTICO QUE NO ATUAL FORMATO NÃO SERVE PRÁ NADA, A NÃO OBJETIVOS POLÍTICO-PARTIDÁRIOS. ESTAMOS EM UM BOM MOMENTO PARA SUGERIR A TRANSFERÊNCIA DESTE TRIBUNAL PARA O MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO, ASSIM COMO OS DEMAIS TRIBUNAIS DE CONTAS DOS ESTADOS E DOS MUNICÍPIOS, PARA DAR-LHES UTILIDADE SOCIAL NA FISCALIZAÇÃO DO EXECUTIVO E, TAMBÉM, DO PRÓPRIO LEGISLATIVO. VAMOS PENSAR NISTO?

  8. 51 Victor Arce 31/07/2013 19:28

    Caro comentarista . O TCU tem em seu membro José Jorge ex-PFL, tem José Múcio etc e um monte de políticos da atual oposição . No segundo mandato de Lula quando a oposição conseguiu maior força no Congresso , eles conseguiram aprovar um monte de ex-PFL´s no TCU. Aliás é o único lugar em que a oposição tem força e somente isso. Então como jornalista sugiro que explique que o TCU também é movido por interesses partidários, porque se depender do TCU , o país para e nada vai para frente. E em consequência disso , o CGU na figura de José Hage tem para mim tem mais credibilidade do que um relatório do TCU.

    Sds

  1. ver todos os comentários

Os comentários do texto estão encerrados.