Publicidade

quarta-feira, 7 de março de 2012 Ídolos, Olimpíadas, Pré-Olímpico, Seleção brasileira | 23:50

Sem Bruno Souza, vaga do handebol masculino fica distante

Compartilhe: Twitter

Nova lesão no joelho afastou Bruno Souza da seleção que disputará o Pré-Olímpico de handebol

Se já era considerada como uma missão praticamente impossível, o sonho da seleção brasileira masculina de handebol de ir aos Jogos de Londres 2012 tornou-se praticamente impossível nesta quarta-feira, com a notícia do corte do armador Bruno Souza. O principal nome da modalidade no Brasil teve confirmada uma nova lesão nos ligamentos cruzados do joelho direito e foi cortado da seleção, que se prepara na cidade de Maringá (PR) para a disputa do Pré-Olímpico da Suécia, em abril.

Aos 34 anos, Bruno retornava à seleção pela primeira vez desde 2009. Ficou ausente do Pan de Guadalajara, também por conta de uma lesão neste mesmo joelho direito. Estava bastante animado com o retorno, mas durante um treino na última segunda-feira, sofreu uma entorse no mesmo local operado em 2011. Agora, terá que passar por nova cirurgia.

Ao contrário da seleção feminina, que conseguiu sua vaga olímpica no Pan de Guadalajara e fez uma brilhante participação no Mundial realizado em São Paulo em dezembro de 2011, terminando na quinta posição, a equipe masculina vive uma fase de transição. Após ver a vaga escapar pelos dedos com a derrota na final do Pan para a Argentina, a seleção masculina contava  com a experiência de Bruno Souza para ao menos sonhar com a possibilidade de brigar por uma das duas vagas no Pré-Olímpico, quando terá pela frente Suécia, Hungria e Macedônia.

Sem Bruno, nem isso sobrou à equipe brasileira. Para o handebol masculino, só resta torcer para que os Jogos Olímpicos de 2016 cheguem rápido!

Autor: Tags: , , ,

Nenhum comentário, seja o primeiro.

Os comentários do texto estão encerrados.