Publicidade

sexta-feira, 27 de maio de 2011 Pan-Americano | 13:22

Vila do Pan aguarda mais recursos públicos para ficar pronta

Compartilhe: Twitter

Maquete da futura Vila Pan-Americana. Organizadores pedem mais dinheiro do governo para concluir as obras

A novela envolvendo a construção da Vila Pan-Americana, para os Jogos de Guadalajara, continua a todo vapor. Depois das obras terem sido paralisadas no começo do mês, em razão de uma ação pública movida por um promotor, e em seguida terem entrado em acordo com o a Justiça mexicana, os dirigentes do Copag (Comitê Organizador do Pan) mostram otimismo para a conclusão da obra em tempo hábil. Mas aguardam ansiosamente uma “ajudinha” extra do governo.

Segundo reportagem publicada no jornal “El Occidental”, de Guadalajara, o vice-presidente do Copag, e também prefeito da cidade, Jorge Sandoval, espera “receber de qualquer lugar” (leia-se governos federal ou municipal) a módica quantia de 1,2 bilhão de pesos mexicanos (R$ 165,5 milhões) para completar as obras da Vila Pan-Americana.  Já o diretor geral do órgão, Carlos Andrade Garín, é um pouco mais modesto em seus cálculos: para ele, 750 milhões de pesos (R$ 103,4 milhões) já resolvem.

Chega a ser impressionante a cara de pau dos cartolas mexicanos. A 140 dias para o início dos Jogos Pan-Americanos, o quadro é altamente preocupante e tudo indica que as torneiras dos cofres públicos do país serão abertas sem pestanejar, para se evitar um vexame sem precedentes na história da competição.  Ainda assim, Garín está otimista. “Já temos quatro partes dos edifícios prontas e acredito que em dois meses a Vila estará completa”, afirmou.

Para ficar igual à imagem que abre este post, acho que os mexicanos terão que correr e gastar muito dinheiro, não acham?

Veja também:

Abre o olho, Guadalajara!

Organizadores fazem acordo para salvar o Pan

Odepa faz reunião de olho em atraso nas obras do Pan-11

Autor: Tags: ,

1 comentário | Comentar

  1. 51 Pan 2011 vem sofrendo problemas de organização desde março « CrystalTube 28/09/2011 17:17

    […] com os atrasos, especialmente na Vila Pan-Americana, e solicitavam ao governo mexicano uma verba extra de mais de R$ 160 milhões para a conclusão das obras. Os cartolas tentavam demonstrar tranquilidade, ao falar que boa parte dos edifícios já estavam […]

  1. ver todos os comentários

Os comentários do texto estão encerrados.