Publicidade

domingo, 13 de março de 2011 Pan-Americano | 20:17

Odepa faz reunião de olho em atraso nas obras do Pan-11

Compartilhe: Twitter

A Vila Panamericana de Guadalajara é uma das obras que mais preocupa os dirigentes da Odepa

A situação aparentemente não está igual aos problemas enfrentados pelo Rio, que penou para completar a tempo as obras dos Jogos Pan-Americano de 2007. Mesmo assim, os dirigentes da Odepa (Organização Desportiva Panamericana) não querem correr risco e irão aproveitar a reunião marcada para a próxima sexta-feira com o comitê organizador dos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara para pedir explicações aos mexicanos sobre o atraso em algumas instalações.

O encontro, que terminará no próximo sábado, já estava agendado e reunirá os dirigentes do Copag (Comitê Organizador do Pan), o comitê executivo da Odepa e ainda representantes dos 42 comitês olímpicos nacionais que participarão dos Jogos, com início previsto para 13 de outubro. Apesar de prevista, a reunião servirá para acalmar os cartolas da Odepa, escaldados com os inúmeros problemas vividos quatro anos antes no Rio, onde algumas instalações ficaram prontas apenas às vésperas da abertura, como o velódromo, a arena provisória de beisebol e a pista de mountain bike. Até o estádio do Engenhão, uma das principais obras do Pan-2007, só foi inaugurado oficialmente duas semanas antes da abertura.

Para Guadalajara, três instalações preocupam a Odepa: a Vila Pan-Americana, o estádio de atletismo e o complexo aquático. Aliás, o ritmo lento das obras da arena do atletismo já tinha sido mostrado no blog, em fotos divulgadas pelo próprio comitê organizador (relembre aqui).

Destas três, a mais adiantada é a arena dos esportes aquáticos. Outra reunião administrativa está agendada para os dias 11 e 12 de abril, desta vez reunindo a diretoria da Copag e os chefes de missões esportivas dos países participantes do Pan 2011, discutindo os detalhes finais sobre a hospedagem dos atletas.

Autor: Tags: , ,

8 comentários | Comentar

  1. 58 Organização do Pan 2011 corre para finalizar estádio de rúgbi « CrystalTube 28/09/2011 20:05

    […] espaço para acomodações. O motivo seria o atraso na conclusão as obras da Vila Pan-Americana, que vem ocorrendo desde o mês de março. Categorias: Notícias Deixar um comentário Comentários (0) Trackbacks (0) (inscrever nos […]

  2. 57 Pan 2011 vem sofrendo problemas de organização desde março « CrystalTube 28/09/2011 17:16

    […] do Copag (Comitê Organizador do Pan) em diminuir o número de atletas dos esportes aquáticos. Em março, a Odepa (Organização Desportiva Pan-Americana) marcou uma reunião de emergência com os dirigentes de Guadalajara, para cobrar uma série de […]

  3. 56 Dico Piranda 05/04/2011 18:13

    Bom. Vamos deixar o revanchismo e bairrismo de lado e tornar séria uma discussão.
    em primeiro lugar existe uma diferença entre perfeição e sucesso. O Pan do Rio foi sim um sucesso. Inclusive as Olimpíadas só serão realizadas aqui no Brasil em 2016 graças a “capacidade mostrada em organizar eventos esportivos”, como disse o presidente do COI no dia em que foi anunciada a cidade sede das Olimpíadas de 2016. Agora houveram erros que tiraram a perfeição do evento. Como o caso citado do Baisebol que teve que ser levada a final para o campo B, a péssima organização nas vendas de ingressos (como é típico de todas as empresas que cuidam disso, sejam em eventos esportivos, sejam em shows), entre outros problemas. Mas colocar o evento como sendo horrivel porque houve desvio, concordo com o Leandro…todos os eventos no mundo então são horriveis

  4. Marcelo Laguna 04/04/2011 22:59

    Nada do que você disse abaixo é mentira, Leandro. Mas estes argumentos de forma alguma escondem o óbvio: o Pan do Rio jamais poderá ser chamado de sucesso absoluto. E se você pesquisar, será duro encontrar um evento onde superfaturaram tanto como o foi o Pan 2007. Aliás, eu e boa parte da imprensa séria e que não é chapa-branca deste país pensa da mesma forma: maior gastança desenfreada de dinheiro público em um evento esportivo na história deste país.

    Eu não sou ingênuo a ponto de achar que só há problemas no Brasil. Mas também não sou ingênuo a ponto de encampar um discurso ufanista.

  5. 55 Leandro 04/04/2011 18:08

    Estou com preguiça de responder um a um. Então vou falar de uma maneira geral:

    Por favor, apontem algum evento dos ultimos anos (incluindo Copas do Mundo e Jogos Olimpicos) em que o orçamento não tenha estourado. A Alemanha portanto não é um país sério? O custo do Alianz Arena em Munique foi quase o dobro do previsto… as reformas no Estadio Olimpico de Berlim (basicamente a troca da cobertura) valeram o preço de 2 estádios novos.

    Insisto: O acontecimento do evento em si deve ser levado em consideração independente das contas, portanto SIM, foi um sucesso absoluto e não falei em rixa Rio-Sp em momento algum.
    Se nivel de competição tem a ver com organização, então lamento mas nenhum pan até hoje prestou portanto. E a Copa de 2006, que tecnicamente foi horrorosa, tambem deixou a desejar em termos de organização, segundo sua mentalidade.

    Quanto ao colega que disse que ninguém leva o Pan a sério, por favor se informe melhor. Os EUA concordo que levam em sua maioria equipes B e universitários. Mas o mesmo não ocorre com Canada e muitíssimo menos com Argentina (apenas no futebol).

    Problemas sempre tem em grandes eventos:

    – Pequim 2008: sumiço da vara da Fabiana Muerer.
    – Atlanta 96: 1) A arena b do volei de praia simplesmente não havia instalações para equipe de tv.. as partidas ali ficaram registradas na memória do publico e nada mais. 2) Faltava espaço e refeição na Vila Olimpica, que não suportava o volume de pessoas credenciadas. 3) O transito isuportável e a distancia entre a vila olimpica e os locais de competição acabou atrasando em horas alguns eventos, inclusive um jogo do Brasil de volei feminino.
    4) O atentado da bomba… nem merece comentários.
    – Atenas 2004: O padre irlandes que segurou o Wanderlei na maratona. A falha no sistema de cronometragem na natação. Essa, inclusive, teve que ser disputada a céu aberto porque a arena da piscina não ficou pronta a tempo, o que prejudicou principalmente os nadadores de costas, pois perderam a referência do teto do ginásio. A Grécia paga até hoje pelos elefantes brancos..
    – O pan de 99 em Winnipeg teve problemas de lamaçal no Pentatlo Moderno, o que teve que mudar o local de competição.

    Todos esses aí em cima foram problemas que eu lembrei rapidamente e EM PAISES DESENVOLVIDOS.

    Repito: Saibam criticar… saibam SEPARAR as coisas. Pois, pela concepção perfeccionista de vocês, nem Sydney 2000 foi um sucesso absoluto pois 8 atletas chineses perderam suas medalhas assim como Marion Jones perdeu as 3 por causa de escandalo de doping. O comitê organizador desses jogos também foram acusados de permuta com o comitê de Salt Lake 2002 com troca de votos.

    Nem tudo lá fora é um mar de rosas como vocês pensam.

  6. 54 Nicolau Radamés Creti 04/04/2011 12:36

    Discordo da tese que o Pan foi um “sucesso absoluto”. Foram muitos problemas para se dizer isso. E não acho que a opinião do Marcelo Laguna tenha a ver a briga Rio-SP, como fala o Leandro. As obras terminaram em cima da hora, sim, e isso é fato. E custaram bem mais do programado, outro fato incontestável – e lamentável. Quanto ao atraso em Guadalajara, preocupa, claro, mas nada que os “Jogos Abertos de Língua Espanhola” não superem. Afinal, quem leva o Pan a sério fora brasileiro? Todo mundo sabe que EUA, Canadá e até Cuba e Argentina mandam suas equipes B e C para o Pan.

  7. 53 Nivaldo Bernardo 04/04/2011 12:26

    Caro Leandro, em que país o senhor vive? Sucesso absoluto? Acho que o senhor nunca viu ou participou de um grande evento esportivo, mas isso é outra história. Beisebol, ginástica, atletismo, GRD, gente contaminada e doente na maratona aquática… os problemas foram tantos, que derrubam sua tese de “sucesso absoluto”. E a questão do dinheiro conta, sim, e muito. O blogueiro tá certo. um evento que estava estimado em custar R$ 400 milhões e no final a conta passou dos R$ 3 bi? Num país sério estaria todo mundo na cadeia. E vai ser muito pior na Olimpíada

  8. Marcelo Laguna 04/04/2011 12:36

    Caro Leandro,

    O nível técnico de uma competição tem absolutamente tudo a ver com o seu sucesso de organização. Há tempos o Pan-Americano deixou de ser uma referência esportiva. Por isos, não tem cabimento esta exaltação toda.

    O presidente da Odepa, com o todo bom político, fez uma declaração “política”. Nos bastidores, todos sabem que ele ficou indignado com os problemas de organização ocorridos ao longo do evento.

    A gastança feita na organização do Pan-2007, atestados pelo relatório final do TCU, são incomparáveis com qualquer outro evento realizado recentemente. E não quis ser irônico em nenhum momento: acho que o contraditório é importante em qualquer debate e apesar de discordar 100% de suas opiniões, tenha certeza que as considero fundamentais para aquelo que chamamos de “debate de ideias”.

    Faço apenas um “erramos”: no beisebol, o que não houve foi a disputa da medalha de bronze, entre México e Nicarágua, que dividiram a medalha, por falta de condições na lamacenta arena destinada ao evento.

    Abraços e volte sempre (sem ironia)

  9. 52 Leandro 03/04/2011 23:27

    Caro bloggeiro, o sr. está misturando vários assuntos que nada tem a ver. O que tem a ver o nível de competitividade do basquete com a organização do evento? Faça-me o favor…

    O torneio de baseball terminou sim, no campo B, após a disputa do Softball. Eu por acaso estava nesse dia lá. Essa sim foi uma arena provisória. Engraçado: Se tivesse sido construído um estádio de baseball (fadado a ser elefante branco) receberia críticas da mesma forma, o que fica bem difícil.

    Sucesso absoluto, melhor pan de todos os tempos, etc.. são adjetivos dados pelo presidente da ODEPA.

    Sobre o estouro no orçamento, isso aconteceu na Copa de 2006 na Alemanha, nas Eurocopas de 2004 e 2008, está acontecendo p/ Jogos de Londres 2012 e sempre vai acontecer. Estou falando na REALIZAÇÃO do evento em si.

    Quanto à ironia no final, foi sem necessidade: eu conheci seu blog hoje e gostei, apesar dos comentários depreciando o evento de altíssimo nível.

  10. Marcelo Laguna 03/04/2011 21:33

    Caro Leandro, se tem algo que o Pan-Americano do Rio jamais poderá ser chamado é de sucesso absoluto. Só sendo muito “pacheco” para dizer isso. Ou dá pra chamar de sucesso um evento que estava estimado em custar R$ 400 milhões e no final a conta passou dos R$ 3 bi? Outro exemplo do fracasso do Pan: você sabia que o torneio de beisebol não terminou? E sabe por que ? A arena onde estava sendo realizada a disputa, o terreno onde se realiza o Rock and Rio, ficou impraticável, por causa da chuva. É claro, eles tiveram cinco anos pra achar um local decente para a disputa, não tiveram tempo…

    É até louvável que você tente defender seus antigos empregadores, mas o Pan do Rio já entrou para a história como um dos maiores absurdos em termos de desvio de verba. O TCU fez relatórios condenando tanto o Co-Rio quanto o Ministério do Esporte…Sem falar que tecnicamente, foi aquele fiasco de sempre. Ou o “forte” basquete brasileiro conseguiu aproveitar algo de útil do tricampeonato pan-americano obtido no Rio? Não é o caso, me parece.

    Querer limitar, caro Leandro, as críticas ao Pan de 2007 a uma briguinha bairrista Rio-São Paulo, é piada, e nem levarei isso em conta.

    Mas obrigado, de qualquer forma, por sua audiência e volte sempre.

  11. 51 Leandro 03/04/2011 21:16

    Meu amigo, pare de falar besteira em relação ao Pan do Rio, que foi um sucesso absoluto. As obras sofreram um pequeno atraso em relação ao cronograma previsto, mas no final tudo esteve pronto e não foi em cima da hora como o sr. afirma, não.

    O Pan 2007 foi o MELHOR de todos os tempos, o mais bem organizado. O único problema que houve foi na venda de ingressos, que infelizmente botaram uma empresa HORROROSA de São Paulo para administrar. O trabalho do CO-RIO 2007, com quem eu trabalhei em alguns eventos pré-pan, fez um trabalho de 1º mundo.

    Eu sei que dói para algumas pessoas aceitar que o Pan do Rio foi de altíssimo nível e que o Rio vai sediar os Jogos Olimpicos, mas por favor tenha mais coerência na hora de criticar.

  1. ver todos os comentários

Os comentários do texto estão encerrados.